Projeto-piloto de segurança pública é lançado pelo governo federal em cinco cidades, incluindo Ananindeua

Redação Por: Redação

Polícia Novidades

Publicado em 30/08/2019 12:03h

Projeto-piloto de segurança pública é lançado pelo governo federal em cinco cidades, incluindo Ananindeua

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

 

Batizada de "choque de segurança", a primeira fase inclui o emprego das polícias federal, civil e militar para combater grupos criminosos nos municípios escolhidos para testar o projeto.

O governo federal apresentou, nessa quinta-feira, o projeto “Em Frente Brasil”. O objetivo é articular ações em conjunto com estados e municípios, para reduzir a criminalidade.

Inicialmente, o programa será levado a cinco cidades, uma em cada região do país: Ananindeua, no Pará; Paulista, em Pernambuco; Cariacica, no Espírito Santo; Goiânia, em Goiás; e São José dos Pinhais, no Paraná.

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, destacou que essa 1ª etapa será um teste.

Os cinco municípios registraram muitos homicídios de 2015 a 2017. O projeto tem foco no combate a crimes violentos, como homicídios, feminicídios, estupros, latrocínios e roubos. Além da repressão por forças de segurança, as localidades receberão ações de educação, saúde, habitação, emprego, cultura, esporte e programas sociais.

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, destacou a importância da unificação da base de dados da Segurança Pública nos estados e das medidas na área social.

O projeto tem bases no foco territorial, na repressão dos crimes violentos, na prevenção social e na governança e gestão. A expectativa do ministro da Cidadania, Osmar Terra, é de que os resultados apareçam em pouco tempo.

O governo planeja fazer um balanço do “Em Frente Brasil” em fevereiro do ano que vem. A partir daí, decidirá o futuro do projeto.

 

Fonte: Rádios EBC

Comentários

Deixe seu comentário abaixo sobre esta notícia:

É Notícia Pará - Portal de Notícias