Polícia Federal começa a cumprir decisão de reintegração de posse em terra indígena no Pará

Redação Por: Redação

Foco Novidades

Publicado em 02/10/2019 15:55h

Polícia Federal começa a cumprir decisão de reintegração de posse em terra indígena no Pará

 

A Polícia Federal deu início, na segunda-feira, 30 de setembro, a primeira parte da decisão judicial que determinou a reintegração de posse da Terra Indígena Trincheira Bacajá (porção sul), com a intimação dos invasores para que deixem a área no prazo de sete dias, sob pena de multa diária de mil reais e retirada forçada.

Um dos principais líderes do movimento, presidente da Associação Terra Prometida, foi identificado e auxiliou nas negociações que culminaram com a realização de uma reunião com dezenas de ocupantes da área para informá-los dos termos da decisão e consequências do descumprimento. Quase uma centena de pessoas participou da reunião. 

Um vereador de São Félix do Xingu, presente no local, informou aos ocupantes que a prefeitura da cidade tinha conhecimento da situação e que providenciará meios para auxiliar na retirada de pessoas e pertences da invasão.

Ao final, o grupo foi alertado de que após os sete dias concedidos como prazo para a retirada voluntária, as equipes retornariam ao local para avaliação da situação e verificação do cumprimento da decisão judicial; e que eventuais invasores resistentes poderiam ser alvo de retirada forçada, além do pagamento da multa diária prevista.

 

Fonte: Polícia Federal

Comentários

Deixe seu comentário abaixo sobre esta notícia:

É Notícia Pará - Portal de Notícias