Operação ‘Pecus’ prende oito suspeitos na ilha do Marajó

Redação Por: Redação

Polícia Novidades

Publicado em 28/03/2018 17:37h

Operação ‘Pecus’ prende oito suspeitos na ilha do Marajó

Na manhã desta quarta-feira(28), a Polícia Civil do Marajó desencadeou uma operação nos municípios de Salvaterra e Cachoeira do Arari, com foco no crime de abigeato, que significa, crime de roubo de gado. A operação teve início com as denúncias que foram feitas pela população.

Foram cumpridos oito mandados de prisão preventiva, sendo um em Salvaterra e sete na vila de Umirizal, em Cachoeira do Arari. Todos relacionados ao crime de furto de gado, receptação e associação criminosa.

Os presos preventivamente foram Gabriel Sarmento do Nascimento, Lucas Assunção Salgado, Pedro Rogério Moraes Martins, vulgo Pintado, Evaldo Ferreira da Luz, vulgo Cururu, Natailson Serra Leal, vulgo Sabazinho, Marinelson dos Santos Barbosa, vulgo Piquet, Menudo Santos, vulgo corta trovão e Adilson de Oliveira Meireles, vulgo Brandão. Após ampla investigação da Polícia Civil, foi constatado que o furto de gado na fazenda Savana, em Cachoeira do Arari, teria se dado por essa associação criminosa que, além de aliciar empregados da fazenda para facilitar o furto, estaria mantendo uma rede de abate clandestino de bovinos e bubalinos e de receptadores, a maioria acogueiros da região.

Com informações de Dário Pedrosa/Marajó

 

Veja fotos: 

Operação ‘Pecus’ prende oito suspeitos na ilha do Marajó[1] Operação ‘Pecus’ prende oito suspeitos na ilha do Marajó[2]

Comentários

Deixe seu comentário abaixo sobre esta notícia:

É Notícia Pará - Portal de Notícias