Mangueirão é parcialmente interditado e estreia do Remo é adiada

Redação Por: Redação

Esporte Novidades

655 Visualizações

Publicado em 09/01/2019 20:04h

Mangueirão é parcialmente interditado e estreia do Remo é adiada

Foto: Cristino Martins / O Liberal

Os problemas estruturais do principal estádio do Pará, o Mangueirão, em Belém, provocaram a interdição de metade do estádio e também o adiamento da partida entre Remo e Tapajós, válida pela primeira rodada do campeonato paraense deste ano. A informação foi confirmada ainda na tarde desta quarta-feira (9), em entrevista coletiva do Governador do Estado, Helder Barbalho.

A Seel recebeu um prazo de 10 dias a partir desta quinta-feira (10) para iniciar uma reforma completa no lado A do estádio, onde pedaços de concreto do teto das arquibancadas desabaram. Sendo assim, Remo e Tapajós, que se enfrentariam neste dia 20 de janeiro, tiveram a partida remarcada para o dia 27, mas com apenas o Lado B das arquibancadas liberado para o público. Os outros jogos da primeira rodada do campeonato seguem mantidos.

As vendas dos ingressos para o confronto, aliás, serão suspensas até uma definição do caso. No entanto, os ingressos que já foram comercializados continuam válidos.

O Governador esteve no Olímpico do Pará, acompanhado do titular da Seel (Secretaria de Estado de Esporte e Lazer), Arlindo Silva, e também do diretor de segurança da FPF (Federação Paraense de Futebol), o coronel Cláudio Santos. Todos eles foram ao local para acompanhar a vistoria na praça esportiva.

Na última semana, pedaços do concreto que recobre o teto das arquibancadas do lado do A do estádio desabaram. Assentos do estádio ficaram danificados. O local está, até então, marcado para sediar a estreia de Remo e Tapajós, no campeonato paraense, às 16h do dia 20 de janeiro.

Fonte: O Liberal

Comentários

Deixa seu comentário abaixo sobre esta notícia:

É Notícia Pará - Portal de Notícias