Centro de Recuperação de Altamira retoma visita aos detentos

Redação Por: Redação

Polícia Novidades

Publicado em 27/08/2019 14:42h

Centro de Recuperação de Altamira retoma visita aos detentos

O Centro de Recuperação Regional de Altamira (CRRAL), no sudoeste paraense, começou a voltar ao funcionamento normal neste sábado (24), com o retorno das visitas aos detentos.

Nas últimas semanas, o local passou por reformas e melhorias. Desde o confronto de facções, que terminou com a morte de 58 internos no último dia 29 de julho, a Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe) vem reestruturando a unidade penal. Os blocos, corredores e celas foram pintados, e todos os internos receberam dois uniformes novos e kits de higiene.

Para a diretora da unidade, Patrícia Abucater, com o reforço na segurança e no sistema operacional a expectativa é de que a retomada das visitas seja tranquila. “O esquema de segurança foi reforçado. O Comando de Operações Penitenciárias está com uma guarnição aqui, e está à frente do operacional. Os familiares estão sendo orientados, e nós esperamos que a visita seja tranquila. Aos poucos, está sendo retomada a normalidade”, informou a diretora.

O Comando de Operações Penitenciárias (Cope) está no local desde o dia 8 de agosto para dar suporte aos procedimentos, capacitar os agentes da unidade e reforçar a segurança, disse o comandante do Cope, coronel Vicente Neto. “O primeiro passo foi capacitar e aperfeiçoar os agentes penitenciários recém-chegados à unidade em protocolos de segurança, manuseio e emprego de armas de fogo adquiridos pela Susipe, como também a utilização de armas com menor potencial ofensivo. Por determinação da gestão, também foi realizada uma intervenção tática na casa penal, com diversas ações, como revista e retirada de todo material ilícito e não permitido, limpeza, higienização, solda de grades, pintura e revitalização dos blocos, entrega de kits individuais e colchões novos a cada preso”, contou.

Procedimentos

O comandante da missão do Cope em Altamira, major Jacson, destacou os procedimentos para a retomada da normalidade no presídio a partir das visitas. “A expectativa é que ocorra na maior tranquilidade, de forma ordeira. Seguiremos os procedimentos com revistas reforçadas e apoio da PM. Já conversamos com os presos sobre as visitas e os procedimentos que serão realizados. Neste primeiro momento, será reduzida a entrada de materiais e o tempo de permanência. Mas no decorrer do tempo isso será normalizado”, explicou o major.

Após a retomada do controle no Centro de Recuperação Regional de Altamira foram adotados procedimentos e padronizações para dar maior segurança aos agentes, com a utilização das técnicas adotadas pela Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária (FTIP), do Departamento Penitenciário Nacional (Depen).

A direção da unidade também realizou um mutirão de saúde, que ofereceu consultas a 33 internos, feitas por uma equipe médica, além de medicamentos. Atualmente, o Centro custodia 192 internos. (Colaboração de Fernanda Cavalcante).

 

Fonte: A Voz do Xingu

Comentários

Deixe seu comentário abaixo sobre esta notícia:

É Notícia Pará - Portal de Notícias